domingo, 27 de fevereiro de 2011

Eu só queria olhar pra você sem que me doesse tanto.
Você já se viu em uma situação onde teve que segurar uma lagrima e estampar um sorriso, para disfarçar o que realmente estava sentindo?
Você nunca vai perceber o quanto gosta de alguém, até ver esse alguém gostando de outra pessoa.
Não basta só apagar o fogo!

Alguém tem duvidas de que pequenos gestos fazem a diferença?

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Eu luto contra, os meus próprios sentimentos pra poder viver um pouco minha vida e esquecer a sua, mais sempre no final do dia eu percebo que foi uma luta em vão, porque eu vejo que eu passei o meu dia inteiro vivendo por você olhando pra você, escrevendo pra você, torcendo por você, ouvindo você e eu sei que por mais que eu tente ou queira mudar isso só vivendo dessa forma eu te sinto um pouco mais perto de mim e eu consigo ser um pouco feliz, porque só seria feliz de verdade estando seu lado.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Se o seu coração não me notar não tem problema, deixa estar pois sem você eu sei viver.
E se eu perdesse a memória, você me conquistaria todas as manhãs?
Desculpa, mas acho que um dia você me falou que nunca iria me abandonar, que sempre iria estar lá quando eu mais precisasse. E agora, cadê você?
Quando você ama muito alguém, você se entrega sem ter medo de nada, não liga para a opinião dos outros, simplesmente curte o momento com AQUELA certa pessoa e se desliga totalmente do mundo.

(Anna senta num café, pega seu maço de cigarros)
Anna: Droga, meu isqueiro acabo logo agora.
(O cara da mesa ao lado levanta-se e diz)
Brian: Quer que eu acenda?
Anna: Ah… Obrigada!
Brian: Posso me sentar?
Anna: Sim…
Brian: Marlboro light, seu preferido não é?
Anna: É sim.
Brian: Você continua linda.
(Silêncio)
Anna: Não te conheço de algum lugar?
Brian: Talvez…
Anna: Qual seu nome?
Brian: Meu nome é Brian.
Anna: Realmente me é familiar.
Brian: O mundo é pequeno Anna…
Anna: Como sabe meu nome? Eu devo te conhecer, é que desde…
Brian: Desde o seu acidente?
Anna: Você tem uma bola de cristal ai?
Brian: Não, não hahaha. Reparei na sua cicatriz.
Anna: Ah… E que desde o meu acidente, não consigo lembrar de alguns lugares ou pessoas.
Brian: Entendo…
Anna: Então… Eu… Eu te conheço?
Brian: Eu costumava ser seu namorado.
“Quatro anos atrás, no Milan, eu descobri que sofria de um distúrbio que se chama hipotireoidismo, que desacelera o seu metabolismo e que para controlar teria que tomar hormônios os quais no futebol não são permitidos, seriam doping. Muitos agora devem estar arrependidos de terem feito chacota com meu peso, muitos comentários sobre meu peso, mas não guardo absolutamente nenhuma mágoa de ninguém. Mas gostaria de explicar isso no último dia da minha carreira.”

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Eu vou tentar mais uma vez, eu vou atrás, não vou ter medo, eu vou bater, eu vou entrar eu vou chegar mais cedo mais uma vez. Quem é você que não me vê cadê você que eu não vejo cadê você pra me dizer que tudo isso vai passar?
Eu vou entrar na tua casa eu vou entrar na tua vida eu vou sentar e esperar tu me mandar embora mais uma vez quem é você que me esqueceu. Cadê você que eu não esqueço? Quem é você que me prendeu e depois me deixou pra trás? Que não vai voltar Por mais que eu cante, escreva toque não vai dar. Você não vai mudar sabe que sozinho eu não sei aonde ir você não vai mudar sabe que sozinho eu não sei aonde ir.
É claro que tu vai dizer que nunca soube o que eu queria que fica fácil pra você se agora já não vale o que passou os teus amigos, meus amigos, não conseguem dizer nada os meus amigos, teus amigos, dizem que não sabem mais quem eu sou e eu não vou ficar te procurando aonde eu posso encontrar alguém pra me mudar.

Esteban.
Pirulitos se tornam cigarros. inocentes viram vadias. dever de casa vai pro lixo. celulares conectados no twitter durante a aula. detenção se transforma em suspensão. refrigerante se torna vodka. bicicletas viram carros. beijos viram sexo. vocês se lembram de quando usar proteção era botar um capacete? de quando a pior coisa que você poderia levar de garotos eram cosquinhas? de quando os ombros do pai eram o lugar mais alto e inatingível e mamãe era nossa heroína? aliás, lembram-se de quando heroína era o feminino de herói? de quando seu pior inimigo era seu irmão? de quando war era só um jogo de cartas? de quando a única droga que você conhecia era remédio pra tosse? de quando remédio pra tosse era realmente usado pra curar tosse? de quando usar uma saia não te transformava numa vadia? e a maior dor que você sentia era quando ralava os seus joelhos e os "adeus" duravam somente até o amanhecer do outro dia.
E nós não podíamos esperar por crescer?

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

talvez fosse melhor eu desistir, nem sei ao certo o que mais posso perder.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

E no sonho que tive, sonhei com um grande amor, aquele que não faz seu coração parar no primeiro olhar, e sim acelerar a ponto de parecer que não irá mais caber em seu corpo. Um amor que faz você se sentir especial, mas no fundo não tão boa o suficiente para ele.
Esse mesmo amor é aquele eu você tem medo e insegurança de perdê-lo, pois você não se enxerga sem ele. Amor que te mata de saudade. Que faz você se sentir sufocada e presa a uma agonia terrível só pelo fato de não se verem a alguns instantes.
Aquele amor que te faz possessiva. Você não quer o dividir com ninguém. Isso porque, dividindo, você terá que abrir mão dos instantes que passa ao lado dele, afinal, por mais tempo que fiquem juntos, nunca será o suficiente.
Um amor que você sente raiva nos momentos de briga, mas essa raiva nunca predomina o amor. Basta você lembrar-se do sorriso dele, que parece que involuntariamente você sorri.
Um grande amor é aquele que faz nossos olhos se encherem de água só por cogitar um adeus, que seqüestra nossos pensamentos. Um amor não pode ser perfeito, mas aos nossos olhos ele não apresenta nenhum defeito. Ele é lindo do seu próprio jeito e ninguém se compara a ele.
Um grande amor é aquele que se o machucam você se sente ferida por tabela. P defende com toda a garra, pois ninguém no mundo parece ser mais importante. Um grande amor que te faz ir contra a família, amigos, colegas... Você enfrenta o inferno por ele, pois ele é o único que te faz chegar ao céu.
O amor é uma coisa única que sentimos. Uma mistura de aperto sufoco alegria, tristeza e forte pulsação. Não sei quantos grandes amores podemos ter na vida. Não sei se podem ser substituídos. Não sei se são eternos somente enquanto duram. Mas, a sensação que esse sentimento faz sentir é única. E você sempre a guardará em seu coração, como uma ilusão, nada mais.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

mas você não sai da minha cabeça, não importa o tempo, muito menos os outros, você é a minha única certeza, as folhas vão cair quando o tempo passar, e ao meu amor por você só resta aumentar, se acaso o céu sumir pode o mundo acabar que o meu amor por você só resta aumentar.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

sempre que ouvir a minha voz você vai pensar em tudo aquilo que a gente já viveu.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Faz frio em Porto Alegre toda noite e de longe eu não posso te ver.
Só não queria perder o que sempre foi meu
É que eu tinha tanto pra cantar
Eu não queria dizer adeus.
Eu não queria perder o que sempre foi meu
Pois não há alguém que possa te amar
Pois não há alguém que possa nos salvar
Só não queria dizer adeus, é que eu tinha tanto pra contar..eu não queria dizer.
Então me perco em pensamentos de um passado que há muito tempo eu quero esquecer.

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Don't waste your time on me you're already the voice inside my head: 'I miss you, miss you'.

(Não perca seu tempo comigo, você já é a voz dentro da minha cabeça: 'eu sinto sua falta, sinto sua falta'.)
Todo mundo diz que estou melhor, mas você me conhece bem.
Eu não sei o que é que eu fiz pra te deixar assim
Mas faço qualquer coisa pra você voltar pra mim
Eu sinto a sua falta.
Sei que é difícil de aceitar
Mas não me deixe.
É difícil ter que me imaginar, sem você.
Nunca é tarde pra recomeçar a viver
Com ou sem você.
É difícil ter que te imaginar com alguém que possa te fazer mais feliz que eu.